fbpx

Direito da Saúde

Direito do Consumidor

Direito Empresarial

Direito Civil

Conheço o Micheleto desde o início de sua trajetória profissional, há mais ou menos 25 anos. Só tenho a comemorar este período, pelos momentos em que participamos de encontros de trabalho, tomadas de decisões, comemorações. Como advogado, um dos mais íntegros que conheci e, até hoje em momentos que preciso, recorro à ele para trocas de ideias e para ouvir a sua opinião, sempre positiva e correta. Agradeço pela oportunidade de tê-lo conhecido e poder privar, até hoje, da sua companhia e amizade.

Dr. José Candido Muricy

Médico

Quero agradecer imensamente a dedicação, profissionalismo, responsabilidade do trabalho tão valor que o Micheleto e seus colaboradores desempenham. Sempre prontamente atendido, sinto-me não como um cliente e sim como um amigo!

Dr. Raffaele Muricy Marigliano

Médico, Clínica Marigliano

Últimos Artigos

TJSP autoriza família a cultivar maconha para o tratamento de jovem com epilepsia

Os benefícios da cannabis para fins medicinais são cientificamente comprovados e alguns médicos já indicam medicamentos produzidos a partir desta planta para alguns tipos de problemas de saúde, como a epilepsia. Inclusive, foi exatamente o que aconteceu com uma jovem...

TJDFT obriga plano de saúde a pagar exame genético para diagnóstico de autismo

Após se negar a custear o mapeamento genético de uma criança para o diagnóstico de Transtorno do Espectro Autista (TEA), uma operadora de plano de saúde foi obrigada a reaver a sua decisão e oferecer a cobertura para o exame solicitado por um geneticista clínico....
justiça-guarulhos-2020-texto

Município de Guarulhos indeniza família de jovem que morreu por falta de atendimento médico

O município de Guarulhos foi condenado pelo Tribunal de Justiça de São Paulo a indenizar em R$ 120 mil a família de uma jovem que morreu de dengue após receber um atendimento inadequado tanto no posto de saúde quando no hospital municipal da cidade que fica a 20 km de...

Não informar necessidade de remoção de cateter configura erro médico, decide TJ-MG

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) manteve decisão que condenou um médico urologista a indenizar uma paciente em R$ 25 mil. Três anos após realizar uma cirurgia para retirar pedras dos rins, a mulher descobriu que estava com um cateter no órgão direito, que...
Iniciar conversa
Precisa de ajuda? Converse via WhatsApp.
Precisa de ajuda? Converse com a nossa equipe via WhatsApp agora.